Agentes comunitários de saúde (ACS) - Valor do salário - Fixação - Portaria do Ministério da Sáude - Impossibilidade - Piso nacional - Adicional de insalubridade - Entendimentos divergentes do Tribunal Superior do Trabalho

DSpace/Manakin Repository

Show simple item record

dc.contributor.author Ribeiro, Rafael de Almeida
dc.date.accessioned 2015-06-09T17:26:11Z
dc.date.available 2015-06-09T17:26:11Z
dc.date.issued 2014-09
dc.identifier.citation Revista Síntese Direito Administrativo, São Paulo, v. 9, n. 105, p. 182-197, set. 2014. pt_BR.UTF-8
dc.identifier.issn 2179 1651
dc.identifier.uri http://bdjur.tjdft.jus.br/xmlui/handle/tjdft/26145
dc.language.iso pt_BR pt_BR.UTF-8
dc.publisher Síntese pt_BR.UTF-8
dc.subject Servidor público, parecer, Brasil. pt_BR.UTF-8
dc.subject Reclamação trabalhista, parecer, Brasil. pt_BR.UTF-8
dc.subject Adicional de insalubridade, Brasil. pt_BR.UTF-8
dc.subject Agente de saúde, Brasil. pt_BR.UTF-8
dc.subject Justiça do trabalho, decisão judicial, Brasil. pt_BR.UTF-8
dc.title Agentes comunitários de saúde (ACS) - Valor do salário - Fixação - Portaria do Ministério da Sáude - Impossibilidade - Piso nacional - Adicional de insalubridade - Entendimentos divergentes do Tribunal Superior do Trabalho pt_BR.UTF-8
dc.type Artigo pt_BR.UTF-8


Files in this item

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record

Search DSpace


Advanced Search

Browse

My Account